Página Inicial     
|      Fale Conosco      |      Adiconar aos Favoritos 

Ribeirão Preto/SP - Brasil - Fundada em 27 de Outubro de 1979

  Página Inicial

 Consulta Sócios

  Pombo As 2017

  Pombo As 2016

  Pombo As 2015

  Pombo AS 2014

  Pombo As 2013

  Pombo As 2012

  Pombo AS 2011

  Pombo As 2010

  Pombo As 2009

  Pombo As Nacional 2008

  Resultados de Corridas

  Regulamento para Columbódromos

  Como ser Columbófilo

  REGULAMENTO POMBO AS 2018

  Tempo

  Estatuto

  Curiosidades

  Concurso Logotipo FCB

  Projetos

  Newsletter

  Regulamento Nacional de Concursos

  Fotos

  Fale Conosco

  Columbófilos Virtuais

  Regulamento Pombo Ás Nacional 2009

  Assembéia FCB

  XXXI - Olimpíada Columbófila

  Columbódromos Nacionais(Histórico)

  Artigos

  Links

  Vídeos

regulamento pombo AS

Nova redação do regulamento dos campeonatos GPC Pombo ÁS nacional.

Regulamento das modalidades Pombo Ás nas categorias:
- Velocidade
- Meio fundo
- Fundo
- Grande fundo

1) Somente poderão participar destes campeonatos os clubes regularmente filiados a Federação Columbófila Brasileira, no ano em curso.

2) Os pombos inscritos nestes campeonatos deverão portar anilhas oficiais distribuidas pela Federação columbófila Brasileira, podendo a organização exigir a apresentação do certificado de propriedade em caso de qualquer dúvida.

3) Cada columbófilo poderá inscrever até trinta pombos em cada prova, podendo altera-los a cada prova

4) Estas listas de inscrição devem estar preenchidas corretamente, com o nome do concorrente com datas e horários, estas listas de constatação serão requisitadas a critério da Federação Columbófila Brasileira para verificação e validação dos resultados.

5) Os trinta pombos inscritos serão apurados, os dois primeiros pontuarão e os demais se classificados empurrarão os concorrentes, evitando que obtenham melhores classificações. 

6) Em cada prova serão apurados vinte e cinco por cento dos pombos inscritos.

7) Os prazos de envio de resultados são os seguintes:

a) Na primeira prova de cada ano, os clubes terão quinze dias a partir da realização da prova para enviar seus resultados para a Pomor em Portugal.

b) A partir da segunda prova em diante, e em todos as modalidades de campeonato Pombo Ás, os clubes terão dez dias a partir da realização de cada prova para alojar os seus resultados no site da Federação columbófila Brasileira.

c) Após o encerramento dos campeonatos Pombo ÁS, os clubes terão que enviar as cópias de segurança de dados para a central GPC em Portugal, até o dia trinta de novembro de cada ano sob pena de desclassificação sumaria.

8) Premiação para cada modalidade:
Velocidade.        Nomenclatura FCI (A)
Primeiro colocado.  Entrada Eletrônica.
Segundo colocado. Cem chips.
terceiro colocado.   Cinquenta chips.
Meio fundo.        Nomenclatura FCI (B)
Primeiro colocado.  Entrada eletrônica.
Segundo colocado. Cem chips.
Terceiro colocado.  Cinquenta chips.
Fundo.                Nomenclatura FCI (C)
Primeiro colocado.  Entrada  eletrônica.
Segundo colocado. Cem chips.
Terceiro colocado.   Cinquenta chips.
Grande Fundo.   Nomenclatura FCI (E)
Primeiro colocado.  Entrada eletrônica.
Segundo colocado. Cem chips.
Terceiro colocado.   Cinquenta chips.

9) A entrega da premiação será feita na Assembléia geral ordinária realizada anualmente, e os prêmios só serão entregues aos vencedores que estiverem presentes ao evento, caso contrário serão enviados pelo correio, com custos suportados pelo columbófilo premiado.

10) Caso o columbófilo ganhe mais de um prêmio em um dos campeonatos, ficará com a melhor premiação e cederá seu lugar e seu prêmio ao columbófilo classificado a seguir.
Porém nada impede que nas outras modalidades, ganhe outro prêmio, sem contudo ganhar mais de um prêmio na mesma modalidade.

11) Regras para os campeonatos GPC Pombo ÁS.

a) Velocidade:
Mínimo de cinco columbófilos participantes.
Número minimo de cem pombos participantes em cada prova.
Numero minimo de 5 provas realizadas 
Distancias das provas de 100 a 400 quilômetros.
Quilometragem total miníma 750 quilômetros

b) Meio Fundo:
Minimo de cinco columbófilos participantes.
Número minimo de cem pombos participantes em cada prova.
Numero minimo de 4 provas realizadas
Distancias das provas de 300 a 600 quilômetros.
Quilometragem total minima 1400 quilômetros.

c) Fundo:
Minimo de quatro columbófilos participantes.
Número minimo de 80 pombos participantes em cada prova.
Numero minimo de 3 provas realizadas
Distancias das provas de 500 a 800 quilômetros.
Quilometragem total minima 1600 quilômetros.

d) Grande Fundo:
Minimo de 4 columbófilos participantes.
Número minimo de 80 pombos participantes em cada prova.
Numero minimo de 2 provas realizadas.
Distancias minimas das provas 700 quilômetros.
Quilômetragem total minima 1400 quilômetros.

12) Formulas utilizadas para obtenção da pontuação.
a) Nas categorias velocidade, Meio Fundo e fundo multiplica-se a colocação
obtida na prova por 1000 e divide-se este numero pelo numero de pombos 
que participaram da prova, em numero maximo de 5000 pombos, obtendo-se
desta forma a pontuação de cada pombo.
b) Na categoria Grande Fundo.
Multiplica-se a colocação obtida na prova por 1000 e divide-se este numero
pelo numero de pombos participantes da prova, sem limite de pombos participantes.

13) A classificação será ordenada em ordem crescente de pontuação, sendo vencedores os columbófilos que acumularem o menor número de pontos durante o campeonato.

14) O não cumprimento de qualquer item deste regulamento, será passível de desclassificação.

15) Caso omissos serão resolvidos pela diretoria. 

A diretoria da Federação Columbófila Brasileira. 27/06/2018

Federação Columbófila Brasileira 
 © 2018 - Todos os direitos reservados