Página Inicial     
|      Fale Conosco      |      Adiconar aos Favoritos 

Ribeirão Preto/SP - Brasil - Fundada em 27 de Outubro de 1979

  Página Inicial

 Consulta Sócios

  pombo As 2016

  pombo As 2015

  Pombo AS 2014

  Regulamento para Columbódromos

  Resultados de Corridas

  Pombo Ás 2009

  Pombo Ás 2010

  REGULAMENTO POMBO AS

  Pombo As 2013

  Pombo Ás Nacional 2008

  Tempo

  Como ser Columbófilo

  Estatuto

  Curiosidades

  Concurso Logotipo FCB

  Projetos

  Newsletter

  Regulamento Nacional de Concursos

  Fotos

  Fale Conosco

  Columbófilos Virtuais

  Regulamento Pombo Ás Nacional 2009

  Assembéia FCB

  XXXI - Olimpíada Columbófila

  Columbódromos Nacionais(Histórico)

  Pombo ÁS 2011

  Artigos

  Links

  Vídeos

Regulamento para Columbódromos

REGULAMENTO

COLUMBÓDROMO NACIONAL

01 – Requisitos para sediar um COLUMBÓDROMO NACIONAL.

· Só poderão candidatar cidades que tem Associação devidamente legalizada junto

a Federação do seu Estado e na Federação Brasileira de Columbofilia (FCB).

· O Columbódromo Nacional será anual

· Associação interessada deverá enviar carta de intenção para sediar o

Columbódromo Nacional, para a Federação do seu Estado. Assinada pelos

diretores da Associação e já formada a COMISSÃO ORGANIZADORA.

· A Federação Estadual enviará carta ou e-mail a Federação Brasileira,

comunicado a pré-candidatura da referida cidade (associação).

· Um estado não poderá sediar dois columbódromo seguidamente, só quando não

houver candidatos de outro estado interessados. Caso tenha mais de uma cidade

por estado, candidata a sede, cabe a Federação Estadual escolher entre se.

· A FCB indicará o local e hora da reunião da escolha da cidade sede do

COLUMBÓDROMO NACIONAL.

· A escolha da cidade sede será pela melhor proposta, escolhida pelos

Representantes Estaduais em votação aberta.

02 – A associação aprovada deverá enviar para há FCB no prazo determinado

pela FCB os seguintes itens:

O LOCAL

· Informar o local o­nde será realizado o columbódromo, com a devida autorização

do proprietário do local se for o caso assinatura de um contrato de locação.

· Auditório para no mínimo 200 pessoas para reuniões e palestras. Com os

equipamentos necessários como: som data show o que for necessário para o bom

andamento da reunião.

· Local de exposição e leilão.

O POMBAL

Projeto do pombal.

· O pombal deve estar pronto no mínimo 30 dias antes do recebimento do 1º pombo

· O pombal deve no mínimo duas entradas.

· Capacidade do pombal no mínimo 08 pombos por m3. Um pombal de: 30 m/comp.

x 3 m/altura x 2 m/largura 30x3x2x= 180m3 180 x 8 =1440 pombos

03 – Da Federação Brasileira de Columbofilia compete.

· Definir junto à cidade ganhadora qual a melhor data para o evento, como

acasalamento e envio dos pombos.

· Inspecionar instalação na implantação e no período de treinamento dos pombos.

Fiscalizar pelo menos 03 vezes o pombal antes da solta principal. Divulgar

boletins oficiais no site da Federação, como fotos e laudo técnico.

· Analisar e aprovar projeto do pombal.

· Fazer divulgar via internet tudo que se refere ao columbodromo.

· Fazer cumprir o regulamento.

· Inspecionar instalação na implantação e no período de treinamento dos pombos.

Fiscalizar pelo menos 03 vezes o pombal antes da solta principal. Divulgar

boletins oficiais no site da Federação, como fotos e laudo técnico.

· Regulamento, organização e premiação da exposição e STANDARD E SPORT

a cargo da FCB e juízes.

· Acompanhar junto à organização dia de vacinação.

· Medicação alimentação e treinamento serão acompanhados pelo Conselho

Técnico da Federação Columbófila Brasileira podendo ser alterado pela mesma.

· Todos os custos de acompanhamento e fiscalização serão por conta dos

organizadores do evento.

· Definir premiação junto com os organizadores e divulgação dos convites.

· O não cumprimento de qualquer item deste regulamento ocorrerá na perca da

premiação a cargo da Federação Columbófila Brasileira.

04 – REGULAMENTO

· A equipe será composta por 05 pombos

· Cada columbófilo pode inscrever quantas equipes quiser

· Valor da taxa de inscrição será de 70% do salário mínimo.

· Todos os pombos receberão chips, a partir do primeiro treino em linha.

· Pombos sem pedigree, seu dono não participa de nenhuma premiação, caso não seja

entregue o respectivo pedigree até o primeiro treino chipado. O pombo receberá o

chip e passa a ser propriedade dos organizadores do evento, sem prévio aviso ao

proprietário. Toda receita e prêmios que lhe sejam creditados para o promotor do

columbodromo.

· Não serão permitidos os organizadores colocar pombos da cidade antes da liberação

do pombal pela FCB.

· Melhor Equipe: A equipe que fizer maior pontuação nas 04(quatro) provas finais.

· Pombo “AS”: pombo mais pontuado nas 04(quatro) provas finais.

· O proprietário terá 50% da venda do pombo em leilão e na venda direta.

· Caso um pombo não alcance o lance mínimo estabelecido pelos organizadores à

prioridade de compra e do proprietário

· É obrigatório divulgar via internet resultados dos treinos e provas.

· Prestação de conta do evento será divulgado no site da FBC.

· A data limite para a entrada dos pombos deverá ser obrigatório em nem uma

hipótese será aceito pombos fora do prazo.

· O transporte das 04 ultimas provas será providenciado pela organização e

acompanhado de um fiscal de prova com fotos e coordenada do local.

· Os campeões das 04 (quatro) ultimas provas receberá um premio a cargo dos

organizadores.

TABELA DE TREINOS E PROVAS

Treinos mínimos:

10 km

30 km

70 km

120 km

170 km

Provas finais para pombo AS e melhor e equipe terá um pontuação 100 pontos

por prova.

De 200 a 220 km

De 250 a 300 km

De 340 a 370 km

Treino de recuperação 30 km

Prova final 450 a 500 km

*O que for omisso a este regulamento será decidido pela Diretoria Federação Columbofilia

Brasileira..

Federação Columbófila Brasileira 
 © 2017 - Todos os direitos reservados